Você está aqui

Projeto transforma lixo orgânico de restaurantes em adubos de hortas urbanas

Projeto transforma lixo orgânico de restaurantes em adubos de hortas urbanas

Um projeto criado pelo Instituto Guandu, um movimento que agrega valores e soluções ambientais ao lixo orgânico que fomenta a agricultura urbana e a gastronomia sustentável, promove uma ação que transforma o lixo orgânico de grandes restaurantes de São Paulo em adubo para hortas urbanas.

Desde de 2014, a jornalista e especialista em sustentabilidade Fernanda Danelon, promove uma coleta seletiva de resíduos orgânicos em 10 grandes restaurantes paulistas. Essa ação, ajuda a diminuir o impacto e plantar a ideia de que o lixo que criamos é problema nosso. O Instituto Guandu, consegue lidar com 10 toneladas diárias de massa orgânica, assim, transformando o lixo em um poderoso fertilizante, usado em hortas orgânicas.

O projeto utiliza a compostagem acelerada para o processo dos adubos. Embora não seja uma novidade, a compostagem é pouco utilizada em áreas urbanas, o que ajuda no aumento de volume de lixos e contaminação dos lençóis freáticos.

Fernanda Danelon, em uma palestra ao TED, fala da importância da coleta seletiva diária dos resíduos orgânicos e enfatiza que “Devolvemos o que era lixo em forma de hortas urbanas orgânicas. Além disso, promovemos palestras aos funcionários dos restaurantes, explicando a importância desse processo”.

Assista ao vídeo: 

Fonte: Hypeness

Comentários